No próximo domingo (04), iniciaremos a nova série de mensagens bíblicas no Culto. Serão sermões expositivos no Livro de Eclesiastes, com o tema: “Em busca do significado da Vida”. Nosso propósito é exaltar a Cristo, pregando a mensagem bíblica de que somente n’Ele nossa vida tem significado.
O comentarista bíblico Walter Kaiser Jr., escreveu: “Eclesiastes é a melhor notícia de todas para o perplexo e confuso homem pós-moderno. É um livro para pessoas que querem voltar a viver – agora. É o livro da pessoa que trabalha: ele responde ao tédio e à solidão residuais da pós-modernidade, principalmente daqueles que estão cansados da rotina de, com tristeza, comer, beber e receber salário – sem qualquer senso de prazer em todo esse processo ou, em havendo algum, sem saber de onde vem, e muito menos o que significa! Eclesiastes também é o livro da pessoa que pensa.
O autor sabia que o leitor se vê perseguido por estas perguntas: O que o ser humano alcança com todo o seu trabalho e esforço na vida? Quem sou eu, afinal? O que significa esse ‘movimento incessante’ chamado vida? Por que tantas mudanças e tão poucos pontos de referência, sem qualquer base sólida na qual eu possa firmar os pés, da qual consiga enxergar a vida como um todo? Eclesiastes tem como preocupação central aquele desejo fundamental dos mortais de ver como a totalidade da vida se encaixa num padrão significativo, onde o propósito e o plano da vida são controlados e dirigidos por Deus.
Será que esta era atual, com tanta brutalidade, injustiça e falta de solidariedade, poderá ao mesmo tempo ser aceita, desfrutada e entendida para, de algum modo, se encaixar no plano e propósito de Deus para a vida? Onde se evidenciam a bondade e a alegria da vida, diante das constantes mudanças e transições de uma vida que tantas vezes nos deixa perplexos? Onde está a direção soberana de um Deus sábio, poderoso e bom, quando em seu sofrimento, os cristãos mais necessitam dele e, aparentemente, ele não está presente? Eclesiastes foi escrito para dar perspectiva e conselhos práticos sobre essas questões”.
Não deixe de cultuar a Deus e ouvir a pregação da Palavra do Senhor.
Rev. Luís Roberto Navarro Avellar
Pastor IPJ
CategoriaNotícias

© 2018 Igreja Presbiteriana de Jundiaí.Feito por: Loro Comunicação

Siga-nos: