1. Não arrogante: Tt 1.7. Obstinado em sua própria opinião, teimoso.
  2. Não dado ao vinho: 1Tm 3.3; Tt 1.7. A afirmativa indica alguém que se detém frequente e continuamente com a bebida: bêbado, viciado em vinho.
  3. Não violento: 1Tm 3.3; Tt 1.7. Não dado à violência, briguento, espancador.
  4. Não irascível: Tt 1.7. Inclinado à ira, de temperamento quente e explosivo. A palavra indica algo habitual.
  5. Inimigo de contendas: 1Tm 3.3. Não lutador, não contencioso, não briguento, mas sim, pacífico. (Tt 3.2).
  6. Não avarento: 1Tm 3.3. Não amante do dinheiro (Hb 13.5).
  7. Não cobiçoso de torpe ganância: Tt 1.7/1Pe 5.2). Cobiçoso de lucro vergonhoso; alguém que lucra desonestamente.
  8. Não ser neófito: 1Tm 3.6. Novo convertido, novo na fé. É necessário que o presbítero antes de ser eleito, tenha demonstrado ao longo dos anos a sua firmeza e temperança.
  9. Irrepreensível 1Tm 3.2. Reputação inatacável (1Tm 5.7;6.14).
  10. Esposo de uma só mulher: 1Tm 3.2; Tt 1.6. Aqui não se estabelece que os presbíteros devem ser casados; o que se diz é que eles, sendo casados, devem ser maridos de uma só mulher.
  11. Temperante: 1Tm 3.2. Sóbrio, de mente limpa, equilibrado.
  12. Sóbrio: 1Tm 3.2; Tt 1.8. Autocontrolado, moderado, sensato.
  13. Modesto: 1Tm 3.2. Ordeiro, respeitável, honroso, honesto.
  14. Hospitaleiro: 1Tm 3.2; Tt 1.8; 1Pe 4.9). A palavra quer dizer “amigo do estrangeiro”. A hospitalidade começa pela recepção das pessoas em nossos corações.
  15. Apto para ensinar: 1Tm 3.2/2Tm 2.24; Tt 1.9. Hábil para ensinar, tenha didática. Não se exige do presbítero um profundo conhecimento de teologia; no entanto, ele deve estar habilitado a sustentar as principais doutrinas bíblicas; tenha conhecimento da Palavra e seja hábil para transmitir o ensino visando à edificação do povo de Deus.
  16. Cordato: 1Tm 3.3. Paciente, gentil, amável. (Fp4.5; Tt 3.2; Tg 3.17).
  17. Governe bem a sua própria casa: 1Tm 3.4,5,12; Tt 1.6.
  18. Bom testemunho dos de fora: 1Tm 3.7. “De fora” aqui, aplica-se aos que não são da Igreja, os incrédulos.
  19. Amigo do Bem: Tt 1.8. Denota devoção a tudo que é moralmente bom no sentido de resultado da sua atividade; excelente.
  20. Justo: Tt 1.8.19. A justiça denota a conformidade com a Lei de Deus e dos homens, vivendo em harmonia com elas.
  21. Piedoso: Tt 1.8. Devoto, santo.
  22. Domínio próprio: Tt 1.8. Autocontrole, disciplina.
  23. Apegado à Palavra: Tt 1.9. Reter, suster; servir, no sentido de lealdade (Mt 6.24 = Lc 16.13).

Por: Hermisten M. P. Costa IP Jundiai

CategoryArtigos, Pastoral