Talvez sua esperança seja algo simples. Você espera que o tempo hoje fique ensolarado e quente. Você espera almoçar algo gostoso. Você espera que aquele metrô não esteja tão cheio e que você consiga ler algo durante o trajeto.

Talvez sua expectativa seja por algo mais significativo, talvez um evento que mude sua vida. Você espera receber aquele aumento ou a promoção no trabalho. Você espera que os exames que você fez não mostrem nada grave. Você espera que Deus toque o coração de algum ente querido e desperte a fé dessa pessoa.

Todos os seres humanos esperam por algo. Deus nos fez assim. Diferente dos animais, que vivem por puro instinto e reagem ao que acontece a cada instante, nós projetamos nossas vidas e imaginamos como gostaríamos que elas fossem.

Há três elementos que compõem nossas esperanças: avaliação, objetos e expectativas.

Primeiro, olhamos à nossa volta e AVALIAMOS que algo ou alguém podia ser melhor do que é na realidade. Se as coisas fossem tão boas quanto poderiam, não precisaríamos ter esperança. Segundo, precisamos de um OBJETO no qual depositamos nossa esperança. Ela nunca é abstrata. Sempre esperamos que algo ou alguém concreto mude ou nos dê o que desejamos.

Finalmente, nossas esperanças existem a partir de EXPECTATIVAS a respeito  de  como  as coisas poderiam ser se nossos desejos se realizassem. Algumas vezes eles se realizam, e em outras, deixam algo a desejar.

De acordo com a Bíblia, há apenas duas maneiras de procurar por esperança.

Podemos procurar horizontalmente, nas situações, experiências, bens materiais, lugares e relacionamentos do cotidiano. Ou podemos procurar verticalmente na pessoa e obra do Senhor Jesus Cristo, e nas promessas e verdades que ele nos dá em sua palavra.

Quando procuramos horizontalmente por esperança, estamos confiando em objetos ou pessoas que sofrem do mesmo grau de corrupção que nós. Na melhor das hipóteses, elas podem nos dar prazer temporário, mas sempre vai terminar em desapontamento ou, pior, em vícios. Por outro lado, a esperança vertical é resumida pelo apóstolo Paulo em Romanos 5:5 “a esperança em Deus não nos envergonha”. Ela nunca nos desapontará ao deixar de nos dar o que precisamos.

Você e eu já sabemos disso, mas é bom repetir a cada dia: a esperança duradoura e satisfatória só pode ser encontrada verticalmente.

Só em Deus é que nossa esperança é segura e assegurada. Só ele pode nos dar a vida que nosso coração tanto busca. Só ele pode suprir nossas almas com o descanso de que elas necessitam. Só ele pode nos dar a paz interior pela qual somos tão famintos.

CategoryArtigos, Pastoral
Escreve um comentário

*

Your email address will not be published.